Projeto “Trilha para Todos” traz para Caldas Novas ecoturismo com acessibilidade

Turismo / 392

Moradores e turistas poderão conhecer as trilhas e as belezas naturais do Parque Estadual Serra de Caldas, através do Projeto “Trilha para Todos”. O projeto tem o objetivo de tornar o Brasil mais acessível, fornecendo cadeiras de rodas especiais, feitas para serem usadas em terrenos acidentados e em trilhas de aventura e ecoturismo por portadores de necessidades especiais ou com mobilidade reduzida

“Trilha para Todos” tem o fim de promover para população atividades ao ar livre e a cultura de uso público das áreas protegidas, conscientizando a preservação da natureza ao nosso redor e utilizando as áreas protegidas de forma sustentável, percebendo o quanto ela é indispensável para nossa sobrevivência.

De acordo com o Ministério do Meio Ambiente, a entrega das cadeiras de rodas adaptadas para uso em trilhas de ecoturismo começou em fevereiro de 2022. A proposta é chegar a mais de 20 parques nacionais ainda neste ano.

Os parques que irão receber os equipamentos estão localizados na Bahia, Distrito Federal, Ceará, Goiás, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Mina Gerais, Pará, Santa Catarina, Pernambuco, Rio Grande do Sul e São Paulo. As cadeiras entregues do modelo Julietti Standard e Triciclo Adapt Run, são fabricadas em aço-carbono, capaz de suportas até 90 kg. A cadeira possui sistema com amortecimento, apoios para os pés e cabeça, cinto de segurança afivelado e freio estacionário.

As pessoas que for portadora de necessidades especiais ou com mobilidade reduzida e seus condutores poderão solicitar a cadeira para o uso durante a visita. A cadeira além de transportar pessoas com deficiência física pode ser usada também em casos de resgate de acidentados em locais de difícil acesso.

O projeto piloto foi implantado na Floresta Nacional de Brasília, no Distrito Federal. A ação tem o objetivo de incentivar as pessoas com necessidades especiais ou que tenham alguma mobilidade reduzida a praticar esportes e atividades na natureza.  

Os praticantes de ecoturismo podem aproveitar a visita ao PESCAN, para conhecer florada dos Pepalantus. São plantas que vivem normalmente em ambientes abertos e rigorosos, principalmente em campos rupestres e campos de altitude. Seu tamanho pode varias dependendo da espécie. A Paepalanthus, também conhecida como chuveirinho, sempre-viva, pepalanto, palipalan ou capipoatinga é um gênero com cerca de 400 espécies de plantas da família Eriocaulaceae, naturais da América do Sul e em poucos locais da África.

Fonte: www.gov.com.br